Ir para o conteúdo

Prefeitura de Piedade / SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Previsão para hoje - Sábado, 24 de fevereiro de 2024
20°
31°
Sábado, 24 de fevereiro de 2024
Prefeitura de Piedade / SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagran
Rede Social TikTok
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
09
09 MAI 2022
SEGURANÇA
SOCIAL
VIGILÂNCIA SANITÁRIA
Prefeitura de Piedade fecha asilo clandestino no Bairro Jurupará
enviar para um amigo
receba notícias

Idosos estavam em situação de maus tratos e foram encaminhados à outras instituições do município
 

A Prefeitura de Piedade realizou ação conjunta com a Polícia Militar e fechou um asilo clandestino, no Bairro Jurupará, na última sexta-feira (06). Os idosos estavam em situação de maus tratos. Uma das senhoras resgatadas faleceu, nesta segunda-feira (09). A mesma tinha 91 anos de idade e a causa da morte ainda não foi confirmada. Os outros 15 idosos foram acolhidos pelas instituições Lar São Vicente de Paulo e Asilo Vó Margarida.

Os proprietários do asilo clandestino não foram encontrados e o caso segue em investigação. “Foi uma situação muito triste. Tinha pouca comida na casa, alimentos podres na geladeira, idosos com dificuldade de respirar e até caso de pessoa com sarna espalhada pelo corpo todo”, explica a Prefeitura.

O local abrigava ainda três moradores menores de 60 anos de idade. “Tratam-se de duas pessoas com deficiência mental e uma dependente química. Eles foram acolhidos pelo Centro Terapêutico Alpha”, relata a Secretaria de Desenvolvimento Social do município.

De acordo com a Vigilância Sanitária, o local não atendia pessoas de Piedade. “Os moradores eram de Ibiúna, São Roque, Osasco, entre outras cidades. A identificação ficou prejudicada, pois nenhum deles estava com os documentos e as cuidadoras só sabiam os primeiros nomes dos residentes”, afirma representante da Vigilância.

Também participaram da operação as equipes da Secretaria de Desenvolvimento Social, Guarda Civil Municipal (GCM), Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), Conselho Tutelar e Conselho Municipal do Idoso. A Prefeitura de Piedade tomou as medidas necessárias para garantir o encaminhamento adequado à estas pessoas. A Administração Municipal continua o trabalho de identificar e contatar os familiares dos idosos resgatados.

Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia